Monographs Details: Metzgeria convoluta Steph.
Authority: Costa, Denise P. da. 2008. Metzgeriaceae (Hepaticae). Fl. Neotrop. Monogr. 102: 1-169. (Published by NYBG Press)
Family:Metzgeriaceae
Synonyms:Metzgeria jackii Steph.
Description:Species Description - Gametófito mediano, amarelo-esverdeado, verde-claro a verde-escuro, 0,5-1,5 mm larg. Ramos adventícios ventrais freqüentes. Talo ligeiro a fortemente convexo, dicotomicamente ramificado, dicotomias irregulares, ramos divegentes, estreitados ou não para o ápice, ápice obtuso, com papilas mucilaginíferas. Em seção transversal lamina uniestratificada, (9—)12—17(—19) células larg. da costa a margem, células pequenas a grandes, planas, paredes ligeiramente espessadas, trigônios conspícuos, cutícula verrucosa, (22-)26-64 × 20-40(-50) µm, na margem diferenciadas, menores e mais estreitas; costa bicon-vexa, mais arqueada para o ventre, 2 fileiras de células epidérmicas na superfície dorsal, 4(-6) na superficie ventral; células medulares distintas das epidérmicas, medula formada por (19—)21—36(—38) células, em (4—)5-6(-7) camadas, células de paredes fortemente espessadas. Talo uniformemente hirsuto, rizóides pequenos a medianos, eretos ou flexuosos, ramificados ou não, dispostos na margem, superfície ventral da costa e da lâmina, na margem uniformes (500 µm= 15-20 rizóides), 1 rizóide por célula, originado na superfície ventral, na costa alongados, na lâmina pequenos, curtos e esparsos, 44-140 µm. Talo masculino menor que o feminino, piano a subplano, ramos adventícios ventrais, gemas marginais muito freqüentes, ápice obtuso, lâmina 9—12(—15) cé1ulas larg.; costa 2 fileiras de células epidérmicas dorsais, 4 fileiras ventrais; medula 14-21 células, em 4-6 camadas; rizóides curtos, eretos, ocasionalmente flexuosos, ramificados ou não, na margem 1 rizóide por célula, extensas regiões sem rizóides, raramente na superfície ventral da lâmina. Gemas marginais, liguladas, planas, rizóides marginais curtos, eretos a flexuosos (6-9 células larg.). Dióico. Ramo masculino pequeno, globoso a subgloboso, sem rizóides, 2-4 anterídios, 144-280 µm. Invólucro feminino cordado, côncavo, com entalhe apical, hirsuto, rizóides eretos a flexuosos, dispostos na margem e superfície externa, 180-200 µm. Caliptra carnosa, obpiriforme, densamente hirsuta, rizóides eretos, dispostos por toda a superfície externa, 0,8-1,5 mm compr., seção transversal 6-7 camadas de células. Seta mediana, 1,0-2,0 mm compr., seção transversal 32-39 células, 17-22 corticais, 15-17 medulares, 5-7 diam., células de paredes delgadas, sem trigônios, regularmente arranjadas. Cápsula globosa a subglobosa, valvas longas, espessamentos nodulosos na parede externa (Tipo-3), e semianulares na parede interna (Tipo-3 e 4). Elatóforo nos apices das valvas. Elatérios medianos a longos, castanho-avermelhados, 300-540 µm compr. Esporos pequenos, castanhos, granulosos, (16-)20-24 µm diâm.

Discussion:O epíteto convoluta refere-se ao talo que nesta espécie é ligeira a fortemente convexo.

A espécie é semelhante a M. aurantiaca e Af. brasiliensis, principalmente pela cutícula verrucosa das células da lâmina. M. aurantiaca difere por apresentar talo piano a subplano, costa com 2 fileiras de células epidérmicas ventrais e células da margem não diferenciadas; M. brasiliensis apresenta talo piano, costa com 2-3 fileiras de células epidérmicas ventrais e talo masculino igual ao feminino.

Distribution and Ecology: (Fig. 31). Era considerada restrita ao Brasil (Costa, 1999), aqui citada para o Paraguai. Gradstein & Hekking (1989), citam a espécie para a Guiana Francesa, coleta de Arnell. Até o momento, não foi possível confirmar esta citação porque não foi examinado este material, ou qualquer outro para esta localidade. Cresce sobre troncos de árvores vivas ou em decomposição, eventualmente sobre lianas ou palmiteiros, e raramente sobre folhas vivas de árvores (epífila), entre 0-1200 m, predominando em altitudes elevadas (800-1200 m), na Mata Atlântica do sudeste e sul, podendo também ocorrer na floresta estacional semidecidual em Pernambuco (Serra dos Cariris), e em matas secundárias de São Paulo.

Distribution:Brazil South America| Paraná Brazil South America| Pernambuco Brazil South America| Rio Grande do Sul Brazil South America| Rio de Janeiro Brazil South America| São Paulo Brazil South America| Paraguarí Paraguay South America|